Noite literária, com lançamento de obras, em Acaraú

 
 Foto: Edson Costa

No último sábado, dia 15, a cidade de Acaraú foi palco de uma Noite Literária de lançamento de obras de escritores acarauenses na Escola Estadual de Educação Profissional Marta Maria Giffoni de Sousa, no bairro Monsenhor Edson Magalhães. Foram lançados o livro “Poemas”, de Dom Edmilson da Cruz (grande homenageado da noite) e Padre José Prado Ponte; “Uma sombra no espelho”, do poeta e professor Dimas Carvalho; e “Correguinho de minha infância”, de Rita de Oliveira Andrade Araújo. O evento foi uma realização da Câmara Municipal de Acaraú.

Em seu pronunciamento, Dom Edmilson da Cruz, nascido em Aranaú, distrito de Acaraú, bispo emérito de Limoeiro do Norte, que em outubro completará seus 90 anos de idade, agradeceu a homenagem e ressaltou alguns momentos de sua missão eclesiástica. Ressaltou a necessidade da mansidão. “Homem não deve ter medo de outro homem. Briguem manso, ou seja, não briguem”, aconselhou.

 Abelardo Martins, Totó Rios,Vicente Freitas, Dimas Carvalho, 
Dom Edmilson da Cruz, Rita de Oliveira

Dom Edmilson que chega às nove décadas de existência com ampla lucidez e em atividades eclesiásticas, teceu elogios aos outros escritores e deixou uma mensagem de paz a todos os presentes. “Tenham paz, sejam felizes, tenham Deus nas suas vidas e apóiem aos que são injustiçados na alegria de servir”, ensinou o bispo.

Dimas Carvalho, outro escritor que lançou mais um livro de poemas que recebeu inúmeros prêmios literários, “Uma sombra no espelho”, faz parte da Academia Sobralense de Letras, na cadeira que era do Padre Antônio Tomás, príncipe dos poetas cearenses. Dimas é neto do pesquisador e poeta Nicodemos Araújo, um dos maiores expoentes literários da região, autor da letra do Hino de Acaraú. Dimas destacou a importância da noite para o desenvolvimento do quadro literário da região.

Essa visão é compartilhada pelo poeta e museólogo itaremense Zé de Fátima, que compareceu à noite literária representando o empresário e ex-prefeito de Itarema, Robério Monteiro. O museólogo destacou a importância da noite para o quadro cultural de Acaraú e da região do Vale do Acaraú e ressaltou o importante apoio que Robério Monteiro tem dado não só à cultura, como às outras áreas em Itarema e na região, não só nos seus dois mandatos de prefeito, como até os dias atuais, por meio de uma intensa prática política em prol do povo.

Em seu discurso, Dimas fez um resgate histórico de Acaraú e de suas grandes personalidades e destacou que Dom Edmilson seria a maior personalidade viva de Acaraú. Resumiu a grandeza do bispo pela sua humildade, servo de Deus, que sempre está ao lado dos pobres e em defesa da justiça social. “Que Acaraú seja digno de Dom Edmilson, siga seu exemplo de ser humano preocupado com os outros”, destacou.

A noite contou com poetas da região, políticos, professores, familiares dos escritores, representantes da imprensa e população em geral que lotou o auditório da Escola Profissionalizante. Entre os que compareceram, o poeta de Bela Cruz, Vicente Freitas, a tabeliã do Cartório do 1º Ofício de Notas de Acaraú, Honorata Carmo, o ex-prefeito de Cruz, Antônio Raimundo Neto, o chefe de gabinete da Prefeitura de Cruz, Clairton, entre outros.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Minha Personalidade INFP

Literatura e Escritores Cearenses