Barro, barroco



Sem você, sou a parte, não o todo.
Mas quando, sendo partes, nos amamos,
Então somos, o todo, desse instante... 
E sentimos ser o todo até o fim.

Vicente Freitas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Minha Personalidade INFP

Literatura e Escritores Cearenses